Que bom que você veio!!!

Que bom que você veio!!!

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Depoimento Dieta Coletiva - Eu me amo assim, assim... Sem tirar nem pôr

Olá amores mil, Todas bem felizes e saltitantes???? Eu sim, graças a Deus, hoje amanheceu um dia bem lindo, digno de Amélia ( A mulher de verdade etc...). Tenho muitas novidades, vou postando aos poucos, porque hoje quero falar de amor próprio, não estou falando de exibicionismo, roupas caras de grife, bolsas Louis Vuitton, sapatos italianos, não, amor puro e simples, nu e cru. A Fernanda Reali, que muitos conhecem, é a idealizadora da Blogagem Coletiva de Esmalte, um vicio maravilho e sadio, você é quase que obrigada a participar todas as semanas, eu amo e não perco nenhum, tem no blog dela também a Dieta Coletiva, informações, incentivos, desabafos e depoimentos... E nesse depoimentos, a Fernanda abriu um desafio: Mulheres contando suas experiências com peso (a mais ou a menos) tentando mostrar os vários pontos de vistas de cada uma, muitos depoimentos foram tristes, pessoas que se acham inferiores porque estão acima do peso. Eu dei meu depoimento no blog da Fernanda AQUI e gostaria que as minhas queridas lessem, quero passar algo de bom para todas, Não quero fazer apologia a  gordura, longe de mim e também não quero dizer que ser gordinha é bom... Bom é, e muito, ser a pessoa que me tornei. Hoje sou gordinha, serelepe e muito feliz, mas  a duras penas, só depois que eu passei a não ter preconceito comigo mesma e me aceitar do jeito que eu era, é que passei a ver a vida com outros olhos, por isso minhas queridas, nunca, mas nunca, permitam que alguém tente diminuí-las, discriminá-las por qualquer coisa que seja, mas principalmente pelo seu peso, li relatos de queridas dizendo que o marido despreza, recrimina pelo peso, não permita isso, se você quiser perder peso, ótimo, vá à luta, arregace as mangas e vá procurar um profissional que te oriente, tenha força e vontade e não desanime... O que não podemos é nos achar umas coitadas e não fazer nada para mudar, ou se aceita como você é, ou corre atrás do que você realmente quer.

Abri minha história de vida porque acho que poderei passar algo de positivo e quem me conhece sabe oque escrevi é verdadeiro (que digam a Salem, Vrum, Sell, Sher e Eni, quantas vezes choraram junto comigo). Porque acho que se pode ser feliz sim, sendo gordinha.
 Queridas, obrigada por emprestar seus olhinhos para ler esse enorme post. Desejo a todas um dia lindo, ensolarado e com muito amor próprio.

Beijinhos carinhosos e gorduchinhos....

13 comentários:

Renata Brigeiro disse...

Oi Carla,
Li seu depoimento no blog da Fernanda. Corajosa heim!! E sua coragem é porque venceu seus medos e sua mente e corajosa porque contou sua história. Eu vou também acreditando cada vez mais em mim. E me sinto cada vez mais mulher, bonita e criativa. É como você diz, problema não tem haver com sua estrutura fisica, mas psicológica. Amo seu blog

.:: Ladybug Art e Design ::. disse...

Oi Carlinha... li seu depoimento e qts pessoas nãoo passam por isso e não tem coragem de assumir, não é?
Eu preciso trabalhar muito a auto-estima e aprender a confiar e acreditar mais em mim. Sou muito insegura em certos pontos e isso não é bom... mas um dia a gente supera! rs*

Bjaum

ミ★ є∂ι ★彡 disse...

Olá querida, já tinha lido seu depoimento lá blog da Fer. Que lindo depoimento.
Parabéns pela coragem de contar sua história, e parabéns principalmente por superar seus medos e angústias, se aceitar e amar. Adorei ler seu depoimento e vou daqui tentando tbm super meus medos...
Obrigada por dividir sua experiência de vida conosco.

Beijos Edi

katyla silva disse...

Adorei seu depoimento, também sou gordinha e acho que o importante é se amar do jeito que você é!
Minhas amigas todas são magrinhas e as vezes tentam me colocar pra baixo, achas que eu deixo? Que nada, sou super de bem com a vida,tenho um marido maravilhoso (que me ama muito), e quando faço dieta não é porque não gosto do meu corpo.Mas sim, porque quero ser uma pessoa um pouquinho mais saudável.
Beijos e parabéns pelo texto.

Bibia Bueno disse...

Queridona, boa a conversa outro dia, viu??? E ótimo seu depoimento. Temos que nos cuidar! :)))

Bia Jubiart disse...

Oi Linda!

Já li... No fundo a essência vc têm: É se gostar!

Beijosssssssssss

Rosana disse...

Oi, Carla!

Eu já tinha lido o post da Fê e até comentado. Me emocionei com sua história, grande sua superação. É difícil, mas pessoas como vc mostram que não é impossível.

Bjs!Parabéns por servir de bom exemplo!

Silvia disse...

Eu sei o quanto foi difícil pra minha irmã chegar a essa aceitação! Desde criança ela sabia como lidar com situação de preconceito!
Sempre foi tão carismática com muitos amigos e adorada por todos!
É com certeza uma pessoa abençoada por Deus!

Hilana disse...

Oláa passando aqui mega atrasadinha para conhecer o seu cantinho...
Amei o seu post, o importante é sermos felizes do jeito que somos e com saúde né??
Obrigada pela visitinha!
Bjinhoss

Anônimo disse...

Belo post Carla! A mulher ou homem que julgam uma pessoa pelo peso são pessoas que não sabem nem ao certo o que é bonito e charmoso. São pessoas que se dizem perfeccionistas mas na realidade são covardes e medrosos. São pessoas que temem o fracasso acima de qualquer outro sentimento. Idiotas que só se atrevem a fazer aquilo que acham que vão fazer de modo perfeito, iludidos, afinal ninguém faz nada perfeito.
A pessoa que reclama do(a) companheiro(a) que esta gordinho(a) deve na realidade inventar outra desculpa ou arrumar outro(a) companheiro(a).

das coisas da Déia disse...

Oi querida você é mesmo uma linda,também sou gordinha ,e como você tambem tinha preconceito comigo mesma, mas que bom hoje sou de bem com a vida,obrigada por dividir um pouco da sua luta conosco,muitas mulhers precisam aprender a se amar,bjs e bençãos Déia.

Eliane Siegel disse...

Oi querida prima,
Nossa, li seu depoimento e me emocionei lembrando de quando íamos pra balada e vc sempre na sua, de lado, não querendo se envolver com ninguém.
Vc é uma pessoa abençoada, provou pra todos que é capaz de vencer e ser muito mais feliz que muita gente pensa que é feliz.

Te amo, e sempre estarei do seu lado pro que der e vier, parabéns pela atitude, continue assim.

Frau Vrungston

Anônimo disse...

oi gente meu nome e erica estouf azendo uma dieta mais e por motivo de saude sério figado gorduroso..estar muito dificil pois sinto votade de comer as coisas gostosas e beber cerveja agora to nervosa querendo comer uma paçoquinha mais conseguir restir...desd de crianças sempre fui acima do peso naosou muito gorda sou cheinha..mais minha gordura do figado de tanto comer besteira e beber cervejinha do fim de smena ta dificil restir as coisas gostosas e agora????